Pesquisas

SindusCon-SP e Deloitte lançarão estudo sobre potencial da construção no estado

Levantamento será apresentado no ConstruBR, no dia 15 de abril, em São Paulo

Por Redação SindusCon-SP 08/04/2016 17:30:04

No último ano, o setor de construção civil sofreu baixas, impactado, em grande parte, pelas quedas do Produto Interno Bruto (PIB) e da produção de insumos do setor. Diante desses fatores, o SindusCon-SP e a Deloitte lançam o “Estudo de atratividade das sub-regiões do Estado de São Paulo”, que apontará o potencial de desenvolvimento para a construção civil em algumas cidades, mostrando que ainda há oportunidades para crescimento, apesar do cenário econômico desafiador.

O trabalho será divulgado no dia 15 de abril no ConstruBR 2016 – evento do SindusCon-SP que visa a inteligência, tecnologia e gestão para o desenvolvimento de negócios da construção.

No estudo, são avaliadas 10 cidades-chave: Bauru, Campinas, Mogi das Cruzes, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São José dos Campos, Santo André, Santos e Sorocaba. A análise destacará em quais já há um alto nível de desenvolvimento ou se há oferta de construção civil suficiente para a demanda da região, entre outros aspectos.

O vice-presidente de Imobiliário do SindusCon-SP, Odair Senra, destaca “a importância de se conhecer o potencial dessas regiões e, a partir disso, colher subsídios, para que as empresas do setor se desenvolvam com planejamento. O estudo também vai estimular a geração de novas empresas, incrementando o setor de construção.”

“Os principais focos de expansão para o setor de construção nas sub-regiões do Estado de São Paulo serão evidenciados pelo estudo. Porém, vale lembrar que cada localidade possui suas peculiaridades, portanto, serão oportunidades distintas para cada uma”, comenta a diretora da área de Consultoria Empresarial da Deloitte, especialista no setor de Construção e responsável pelo estudo, Marie Rodrigues.

As conclusões serão municiadas a partir da avaliação de três grandes grupos de fatores. São eles: dados demográficos, oferta de construção civil (segmentada em habitação de interesse social, residencial de média renda, residencial de alta renda, galpões logísticos, construções corporativas, construções comerciais e obras públicas, políticas de sustentabilidade adotadas pelas Prefeituras relacionadas à construção civil e ciclo de aprovação de licenciamento) e cenário econômico da região.

O vice-presidente do Interior, Luiz Claudio Minnitti Amoroso, destaca a importância de se mapear as oportunidades em cada região do interior paulista. “Esse estudo detalha onde as empresas podem encontrar um terreno fértil para investir. Em tempos econômicos difíceis como o atual, esta é uma agenda positiva para o mercado”, conclui.

Serviço:
Painel: Potencial de desenvolvimento, em construção civil, das cidades do estado de São Paulo – Apresentação do Estudo de Atratividade das Sub-Regiões do Estado de São Paulo
Data:
15 de abril, das 8h às 9h30
Local:
ConstruBR 2016 – Hotel Holiday Inn, Anhembi, em São Paulo.
Para informações e inscrições do evento, clique aqui
Para inscrição apenas para o dia deste painel, ligue para F: 3334-5813

 









Rua Dona Veridiana, 55

Santa Cecília,

São Paulo,

01238-010

(11) 3334-5600

sindusconsp@sindusconsp.com.br



Rua Dona Veridiana, 55

Santa Cecília,

São Paulo,

01238-010

(11) 3334-5600

sindusconsp@sindusconsp.com.br