Planejamento é fundamental para industrialização bem sucedida

Rafael Marko

Por Rafael Marko

Planejamento é fundamental para industrialização bem sucedida
Batlouni, Lucio e Senra participaram da abertura do evento

Um planejamento prévio crítico e meticuloso é fundamental para uma industrialização inovadora e bem sucedida na edificação de estruturas de empreendimentos. Esta foi a principal mensagem do primeiro dia de palestras do 21º Seminário Tecnologia de Estruturas, realizado gratuitamente pelo SindusCon-SP por meio de seu CTQ (Comitê de Tecnologia e Qualidade), e assistido virtualmente por um público de 574 pessoas, em 9 de novembro.

O seminário, que prossegue hoje (10/11), das 17h às 18h30, abriu a Semana da Construção. Na sequência, serão realizados o 16º Seminário de Tecnologia de Sistemas Prediais (11 e 12/11, das 16h às 18h30) e o 11º Seminário Internacional BIM, sobre “BIM – 5D: definição, desafios e seus benefícios” (13/11, das 10h às 11h30).

Abrindo o evento, Odair Senra, presidente do SindusCon-SP, destacou que o foco na tecnologia, elevando a produtividade e incrementando a qualidade, é mais que necessário, diante da pressão dos aumentos de preços dos materiais de construção. “O SindusCon-SP tem realizado diversas ações para sensibilizar os fabricantes e o governo a agir. Esperamos agora que o ritmo desses aumentos caia”, afirmou.

Organizadores do seminário, Jorge Batlouni, vice-presidente de Tecnologia e Qualidade do SindusCon-SP, e Luiz Lucio, membro do CTQ, manifestaram satisfação pela superação do desafio de realizar o evento de forma inteiramente virtual. Batlouni reforçou a necessidade de as empresas dedicarem tempo à formulação dos projetos para uma industrialização bem sucedida.

Lucio destacou que o maior equívoco do mercado é achar que a industrialização de uma construção tenha que ser 100%, sem admitir que possa ser uma parte. Ele ainda alertou que muitos não sabem fazer contas, deixando de levar em consideração ganhos da industrialização não perceptíveis numa primeira análise superficial.

Custo atrativo 

Clara e Senra na primeira Semana da Construção SindusCon-SP

Na sequência, o engenheiro Roberto Clara, diretor Técnico da Lucio Engenharia e membro do CTQ, apresentou o case “Edifício Comercial Urbano: Processo de Industrialização por Necessidade”. Trata-se da construção do Dynamic Faria Lima, edifício de esquina de seis andares e dois subsolos com rooftop para área de convívio, no bairro de Pinheiros, sobre um terreno de antiga várzea de rio, com nível de água muito aflorado.

Desafiada a executar o empreendimento em curto prazo e com equipe reduzida, a construtora optou pela contratação de pacotes industrializados de contenções, fundações e estrutura.

Detalhes das lajes da obra

Executou-se uma contenção submersa em concreto, com diafragma formado por estacas-prancha colocadas por martelo vibratório hidráulico. O custo revelou-se interessante por dispensar equipe grande, muretas, escavações, lama, retirada de resíduos etc. Para as fundações, usaram-se estacas metálicas cravadas por martelo. Instituiu-se um controle de impactos na vizinhança com uso de assessorias e norma alemã para controlar vibração, e se abriu um diálogo com os vizinhos.

 

 

Detalhes dos subsolos

Para a estrutura de concreto, contratou-se um pacote de pilares e vigas pré-fabricadas, e lajes alveolares. A grua foi instalada aproveitando o bloco central. O controle de deformações ficou dentro do esperado (3 mm para cima e para baixo). A colocação da fachada deverá ser concluída ainda neste mês.

Clara informou que, graças a essas decisões, o prazo de execução se reduziu de 150 para 90 dias, sendo 76 efetivamente trabalhados. E mostrou comparativos sobre custo de metro quadrado industrializado nos Estados Unidos e na Europa, em torno de US$ 3 mil, comparado ao do Brasil, de US$ 785, e ainda com câmbio de R$ 4 por US$ 1.

O diretor da Lucio disse que outras soluções de industrialização chegaram a ser estudadas, e as escolhas feitas se deveram ao fato de a empresa ter alguma experiência prévia nelas. Recomentou ainda que as construtoras contratem o arquiteto já tendo decidido como será a obra.

Quatro meses planejando 

Vicelli apresenta fachada do edifício Faria Lima Plaza

Na sequência, o painel “Os desafios da Construção do Edifício Faria Lima Plaza”, foi apresentado pelo engenheiro Marcos Vicelli, diretor da Construtora Fonseca & Mercadante, e pelo engenheiro Francisco Paulo Graziano, diretor da Pasqua & Graziano. Trata-se de um edifício no largo da Batata , com uma inovadora estrutura torcida.

Vicelli mostrou como diversos desafios de execução foram vencidos graças a um meticuloso planejamento prévio. Segundo ele, o empreendedor precisa estar disposto a novas ideias, sendo um custo maior compensado por benefícios imensuráveis num primeiro momento, como redução de prazo, e obra limpa e organizada.

O engenheiro também chamou a atenção para o detalhamento da armadura em 3D com a utilização de cores, para facilitar a compreensão do projeto e a execução em uma obra de tamanha complexidade.

Estrutura do térreo ao 2º andar do Faria Lima

Graziano detalhou como o projeto enfrentou dificuldades do tipo: andares com transição da carga (superada com o enrijecimento do core para poder manter a torção); fachadas e pilares inclinados, com planos de fachada que se interpenetram; ações gravitacionais que provocam giro em torno do eixo vertical.

Adotaram-se soluções de compatibilização de concreto armado com estrutura metálica. Utilizaram-se pilares metálicos provisórios e uma laje do segundo pavimento em solução metálica, elevada 17 m em relação ao térreo. Ensaios de concreto de fluência foram realizados. Estudou-se o efeito de retração no preenchimento.

Modelou-se a sapata de fundação com diversos panoramas de comportamento do solo. Buscou-se uma forma otimizada de maneira a ganhar rigidez, com possibilidade de concretagens parciais. Outras soluções foram adotadas em diversos pavimentos, para permitir a torção da estrutura do edifício.

Desafios da obra

Graziano assinalou que o tempo para se pensar é fundamental na direção de uma industrialização bem sucedida. “Esta é a hora em que se pode fazer a diferença, economizando em material e mão de obra. É preciso estar aberto para soluções que vão trazer confiabilidade e qualidade”, disse.

Perdeu? Assista 

As palestras da Semana da Construção estão disponíveis gratuitamente no canal do SindusCon-SP no Youtube.

Hoje (10/11), às 17h, a engenheira Rosane Bevilaqua, coordenadora da área de Construção Metálica da Gerdau, e o engenheiro Guilherme Andreucci, desenvolvedor técnico de mercado da área de Marketing da Construção Civil da Gerdau, irão debater “Soluções Industrializadas para o Segmento Imobiliário”. Às 17h45, o diretor de Construção da Conx Empreendimentos, o engenheiro Aloysio Cyrino, irá abordar o tema “O Desafio na Execução de Estruturas de Concreto”.

Patrocinam o evento: Atlas Schindler, Gerdau e Saint-Gobain.

Apoio: ABCIC – Associação Brasileira de Construção Industrializada de Concreto, Abece – Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural, Abesc – Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Concretagem, Abrava – Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento, ABNT, Abrinstal – Associação Brasileira pela Conformidade e Eficiência das Instalações, Apemec  -Associação de Pequenas e Medias Empresas de Construção Civil do Estado de São Paulo , Apeop – Associação para o Progresso de Empresas de Obras de Infraestrutura Social e Logística, ABNT CB-002 – Comitê Brasileiro da Construção Civil, CBIC – Câmara Brasileira da Indústria da Construção,  Ibracon – Instituto Brasileiro de Concreto, Fiabci-Brasil, Secovi -SP -Sindicato da Habitação, Sindicel- Sindicato da Indústria de Condutores Elétricos, Trefilação e Laminação de Metais Não Ferrosos do Estado de São Paulo, Sindistalação – Sindicato da Indústria de Instalações Elétricas, Gás, Hidráulicas e Sanitárias do Estado de São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O que você precisa saber.
As últimas novidades sobre o mercado,
no seu e-mail todos os dias.

Skip to content