CDHU licita seis áreas que somam 279 mil m² no Parque Cecap em Guarulhos 

Rafael Marko

Por Rafael Marko

CDHU licita seis áreas que somam 279 mil m² no Parque Cecap em Guarulhos 
Visão de três das seis áreas ofertadas

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) está licitando para venda um lote contendo seis áreas no Parque Cecap, bairro de Cumbica, em Guarulhos. Ao todo, são mais de 279,6 mil m² que têm valor global R$ 274,8 milhões. O edital de concorrência 027/2020 está disponível no site da CDHU.

Este foi o tema de uma videoconferência de Flávio Prando, assessor da Secretaria de Estado da Habitação, com o SindusCon-SP e as demais entidades do setor da construção, em 8 de dezembro. O encontro foi mediado por Ronaldo Cury, vice-presidente de Habitação do SindusCon-SP; Vladimir Iszlaji, gerente de Projetos da Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias), e Rodrigo Luna, vice-presidente de Habitação Econômica do Secovi-SP (Sindicato da Habitação).

As áreas e os seus respectivos valores são os seguintes:

Vista aérea dos seis lotes

Área 1, com 29,8 mil m² e valor base de R$ 30,1 milhões;

Área 2, com 39 mil m² e valor base de R$ 38,7 milhões;

Área 3, com 36,3 mil m² e valor base de R$ 36,2 milhões;

Área 6, com 71,4 mil m² e valor base de R$ 68,4 milhões;

Área 24, com 64,5 mil m² e valor base de R$ 62,1 milhões;

Área 26, com 38,4 mil m² e valor base de R$ 39,2 milhões.

Segundo a Secretaria da Habitação, os terrenos estão inseridos em uma área urbana com boa valorização imobiliária e serão vendidos porque não atendem o perfil para construção de habitações de interesse social. O licitante poderá apresentar proposta para uma ou mais áreas específicas e/ou uma proposta global para todo o lote.

Estas áreas não estariam dentro da rota do cone de aproximação do aeroporto de Cumbica. Precisam atender ao zoneamento de Guarulhos. Os recursos obtidos com a venda destes ativos serão aplicados na produção de unidades habitacionais de interesse social. O pagamento pode ser feito à vista ou em 36 parcelas mensais. A venda do lote está inserida no processo de extinção da CDHU, com a alienação de seus ativos.

A concorrência será no modo Disputa Aberta, pelo critério de julgamento de Melhor Oferta de Preço. A vistoria dos terrenos por parte dos interessados é obrigatória e não monitorada, com orientações no site da companhia sobre como realizá-la.

Os interessados devem entregar os envelopes até o dia 15 de janeiro no setor de licitações da CDHU (rua Boa Vista, 170, 11º andar, Bloco 3). Qualquer questionamento sobre o processo será recebido até 8 de janeiro pelo e-mail [email protected] ou no setor de licitações.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

O que você precisa saber.
As últimas novidades sobre o mercado,
no seu e-mail todos os dias.

Skip to content